UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/03/2010 - 17h10

Merkel declara apoio a plano de ajuste da Grécia

EFE
Berlim, 5 mar (EFE).- A chanceler alemã, Angela Merkel, declarou apoio hoje ao plano de ajuste da economia da Grécia, cujo primeiro-ministro, Giorgos Papandreou, assegurou em Berlim que não pediu ajuda financeira à Alemanha.

"Observamos com alegria que o Governo e o Parlamento gregos aprovaram novas medidas para combater a crise. Trata-se de uma tarefa extremamente difícil", disse Merkel depois de se reunir com Papandreou em Berlim.

Segundo a chanceler, a ajuda financeira ainda não está em debate porque a Grécia não a solicitou e também porque a estabilidade da zona do euro está garantida depois que a Grécia conseguiu lançar títulos da dívida no mercado com sucesso, embora com juros altos.

"A Grécia não pediu ajuda financeira e a estabilidade da zona do euro está assegurada", disse Merkel quando perguntada sobre se a Alemanha estava disposta a ajudar a Grécia financeiramente.

Por outro lado, a alemã ofereceu apoio político a Papandreou para enfrentar os especuladores buscando medidas dentro da União Europeia (UE) que impeçam que estes tirem proveito da situação da Grécia.

"Temos que conseguir a neutralização dos especuladores", disse Merkel ao lado de Papandreou após uma reunião entre ambos em Berlim.

O primeiro-ministro grego também ressaltou que em nenhum momento a Grécia pediu ajuda econômica à Alemanha para combater a crise.

Segundo Papandreou, o apoio que espera de seus parceiros europeus neste momento é, antes de tudo, político e moral.

Nesse contexto, Merkel e Papandreou acordaram hoje a criação de uma comissão governamental greco-alemã que deverá apoiar a modernização da Grécia em diversos campos como a proteção do clima e do meio ambiente, a política energética, o desenvolvimento científica e a política de imigração.

Segundo Merkel, o apoio à modernização da Grécia nesses campos é também uma contribuição para a luta contra a crise, na medida em que contribui para aumentar a confiança dos mercados financeiros.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host