UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/03/2010 - 06h26

Grécia vive terceiro dia de greve geral por medidas econômicas

EFE
Em Atenas

A terceira greve geral contra o plano anunciado pelo Governo da Grécia em fevereiro para salvar a economia deixou o país sem transporte e sem serviços nesta quinta-feira, afetando as principais cidades.

A greve de 24 horas é convocada pelos maiores sindicatos dos trabalhadores do país contra o plano de austeridade fiscal.

Desde as primeiras horas da manhã, as ruas centrais da capital grega ficaram cheias de veículos privados e táxis, pois todo o transporte público está parado. Apenas o trem de superfície funcionou, mas por poucas horas.

 


Todos os aeroportos, incluindo o internacional de Atenas, permanecem fechados desde a meia-noite pelo horário local, o que causou o cancelamento de centenas de voos e a modificação dos horários de outros vários, por conta da participação dos controladores aéreos nos protestos.

Os navios e os serviços de trens estão parados, os hospitais e os serviços de administração de luz, telefonia e água funcionam com pessoal de emergência, muitos bancos trabalham com um pequeno efetivo e as escolas estão fechadas.

Também estão fechados hoje os escritórios de serviços estatais, enquanto os veículos de informação transmitem apenas músicas e programas de entretenimento, já que os jornalistas também aderiram à greve.

Só o comércio de Atenas estava aberto esta manhã, mas os donos das lojas no centro da capital já se preparavam para fechar as portas, em uma medida de precaução contra possíveis distúrbios nas manifestações foram anunciadas para mais tarde.

Os sindicatos protestam contra cortes nos salários dos trabalhadores e o aumento de impostos decidido pelo Governo grego para economizar 4,8 bilhões de euros, buscando reduzir ainda neste ano o déficit em 4%, para deixá-lo em 8,7% do Produto Interno Bruto (PIB).

As medidas de adotadas pelo Executivo do primeiro-ministro Yorgos Papandreu, foram aprovadas pela Comissão Europeia, que supervisiona estreitamente seu cumprimento para que o país se salve da falência.

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host