UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/03/2010 - 04h21

HSBC confirma roubo de dados de multimilionários em 2006

EFE
Hong Kong, 12 mar (EFE).- O banco HSBC confirmou o roubo de dados de cerca de 15 mil clientes multimilionários em 2006 por parte de um de seus antigos empregados, publicou hoje o jornal "South China Morning Post".

A subtração dos dados financeiros destes clientes, que eram clientes de um banco privado na suíça que só aceita pessoas que tenham no mínimo US$ 2 milhões em ativos líquidos, excluindo sua residência principal, parece não ter causado perdas nas contas dos afetados, segundo o HSBC.

O banco, incorporado em Londres e com escritório principal em Hong Kong, garantiu que estas informações não serão entregues às autoridades estrangeiras que tentem ter acesso aos dados com o objetivo averiguar possíveis delitos de evasão fiscal.

Investigadores franceses e suíços tiveram os dados em suas mãos, segundo o HSBC. O ex-empregado, que não teve o nome divulgado, tentou, segundo o banco, vender as informações, sem sucesso.

Segundo a entidade, apesar de a direção saber do roubo há três anos, só no início deste mês teve certeza das identidades dos clientes prejudicados.

Os dados pertencem a clientes que contavam com contas nos bancos privados do HSBC na Suíça antes de outubro de 2006.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host