UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/03/2010 - 20h24

HRW pede investigação de assassinatos de jornalistas em Honduras

EFE
Washington, 19 mar (EFE).- A Human Rights Watch (HRW) pediu hoje ao Governo de Honduras investigar de maneira "oportuna, exaustiva e imparcial" uma recente onda de assassinatos de jornalistas e advertiu que a liberdade de expressão está ameaçada no país.

"É impossível saber qual é o motivo por trás destes ataques sem uma investigação adequada", afirmou José Miguel Vivanco, diretor para as Américas da HRW.

"Os assassinatos e as ameaças estão gerando um clima de temor que possivelmente gerará um efeito inibidor na imprensa hondurenha", acrescentou.

Em comunicado, a organização de defesa dos direitos humanos consignou o assassinato de três jornalistas este mês em Honduras.

A HRW também assinalou que recebeu denúncias que outros cinco jornalistas foram seguidos ou ameaçados de morte durante as últimas duas semanas.

Acrescentou que não pôde se comunicar com as vítimas já que temem dar a conhecer seus casos.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host