UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

26/03/2010 - 18h00

Bolívia e Argentina assinam garantias sobre gás que melhoram integração

EFE
Sucre (Bolívia) 26 mar (EFE).- Os Governos da Bolívia e Argentina assinaram hoje um anexo ao contrato sobre gás, vigente desde 2006, para fixar garantias mútuas de cumprimento na venda e compra do energético.

O adendo foi assinado pelos presidentes das estatais Yacimientos Petrolíferos Fiscales Bolivianos (YPFB), Carlos Villegas, e da argentina Enarsa, Exequiel Espinosa, na presença dos presidentes Evo Morales e Cristina Fernández, na cidade boliviana de Sucre (sudeste).

Também participaram do ato realizado em um ginásio esportivo de Sucre os ministros de Planejamento Federal da Argentina, Julio de Vido, e o de Hidrocarbonetos da Bolívia, Fernando Vincenti.

Segundo relatório distribuído pela YPFB, o anexo ao contrato estabelece também que tanto a companhia petrolífera estatal boliviana como a Enarsa serão objeto de penalizações ou multas se a Bolívia não cumprir com os volumes exportados comprometidos ou, ao contrário, falhar a demanda reivindicada pelo mercado argentino.

O anexo também estabelece a construção de um gasoduto de integração que terá comprimento de 15 quilômetros e um diâmetro de 32 polegadas no lado boliviano, e de 32 quilômetros e 30 polegadas no argentino.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host