UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

02/04/2010 - 09h57

EUA aplicarão novas medidas de segurança nos aeroportos

EFE
Washington, 2 abr (EFE).- Os Estados Unidos iniciarão novas medidas de segurança aérea que substituirão as impostas após o atentado frustrado no último Natal em um voo entre Amsterdã e Detroit.

O Departamento de Segurança Nacional americano anunciará hoje as novas medidas que entrarão em vigor já neste mês, segundo a "CNN".

Após o fracassado atentado, os EUA ampliaram as listas de supostos terroristas e aumentaram a fiscalização sobre estrangeiros procedentes de Cuba, Irã, Sudão, Síria e de outros dez "países de interesse", quase todos de maioria muçulmana.

Por ordens da Administração para a Segurança do Transporte (TSA, na sigla em inglês), todo passageiro procedente desses 14 países tinha que passar pelo scanner corporal e por uma revista exaustiva de sua bagagem de mão.

A partir de agora, as revistas adicionais serão baseadas em informações de organismos de inteligência, como coincidência com descrições físicas ou nomes, em vez da nacionalidade dos passageiros, disse um funcionário do Governo que falou em condição de anonimato antes do anúncio oficial, informou a "CNN".

Segundo o funcionário, estas novas medidas são parte de um "sistema dinâmico" baseado em ameaças à segurança aérea e afetará por igual todos os passageiros que viajam por via aérea aos EUA.

O Governo americano continuará mantendo a lista com nomes de suspeitos de terrorismo para reforçar os pontos de segurança.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host