UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/04/2010 - 18h14

Barril do Texas fecha em baixa em N.York

EFE
Nova York, 12 abr (EFE).- O barril do Petróleo Intermediário do Texas (WTI, leve) para entrega em maio fechou hoje na Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex) 0,68% mais barato, negociado a US$ 84,34, somando quatro pregões consecutivos de queda, apesar da forte desvalorização do dólar.

Os contratos de gasolina para esse mesmo mês subiram US$ 0,01 em relação ao preço de sexta-feira passada e fecharam negociados a US$ 2,29 o galão (3,78 litros). Já o gasóleo encerrou o pregão valendo US$ 2,22 o galão, valor US$ 0,01 abaixo do fechamento de sexta.

Por sua vez, os contratos de gás natural para entrega em maio ficaram US$ 0,07 mais barato, fechando a US$ 4 por cada mil pés cúbicos.

A queda no preço do petróleo do Texas e da maioria de seus derivados aconteceu apesar da forte desvalorização do dólar frente ao euro, que hoje era cotado a US$ 1,3587 frente ao valor de US$ 1,3495 de sexta-feira passada.

A desvalorização do dólar, divisa na qual se negociam as matérias-primas, costuma favorecer os contratos de petróleo realizados com moedas fortalecidas perante a americana, pois essas operações acabam ficando mais baratas.

O dólar teve essa queda frente ao euro depois de os Governos europeus determinarem a ajuda financeira à instável economia da Grécia.

Segundo os analistas, o retrocesso no preço do petróleo se deveu em parte à preocupação mostrada pelos investidores sobre a lenta recuperação da demanda nos Estados Unidos, depois que na semana passada se anunciou que as reservas americanas aumentaram em 2 milhões de barris, quase o dobro do que se tinha previsto.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host