UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/04/2010 - 09h53

Ford lucra US$ 2,085 bilhões no primeiro trimestre de 2010

EFE
(Atualiza com novas informações) Washington, 27 abr (EFE).- A Ford lucrou US$ 2,085 bilhões no primeiro trimestre do ano, frente as mais de US$ 1,4 bilhão de perdas registradas no mesmo período de 2009, e pela primeira vez assegurou que espera terminar 2010 com "lucro sólido".

A fabricante de automóveis americana assinalou nesta terça-feira que na América do Norte faturou mais de US$ 1,2 bilhão (contra US$ 637 milhões de perdas no mesmo período de 2009) e na Europa US$ 107 milhões (contra US$ 550 milhões de perdas em 2009), após totalizar a receita de US$ 28,1 bilhões.

O presidente e executivo-chefe da Ford, Alan Mulally, afirmou em comunicado que "o plano está funcionando e o motor principal que produz nossos resultados (produtos, fração de mercado, receita e estrutura de custos) está rendendo cada vez melhor em cada trimestre, embora a economia e a demanda por veículos permaneça frágil".

Por sua vez, Lewis Booth, diretor financeiro da empresa, declarou que "todas nossas operações (América do Norte, América do Sul, Europa, Ásia Pacífico África e Ford Credit) não só foram rentáveis, mas tiveram resultados melhores do que um ano atrás".

Ford disse que a dramática mudança dos resultados na América do Norte ocorreu graças à espetacular alta das vendas nos Estados Unidos, onde sua fração de mercado aumentou 2,7 pontos percentuais desde o início do ano e agora se situa em 16,6%.

Nesta região, as receitas passaram de US$ 10 bilhões em 2009 para US$ 14,1 bilhões no mesmo período em 2010.

Na América do Sul, a Ford registrou lucro de US$ 203 milhões (US$ 63 milhões em 2009) após registrar receita de US$ 2 bilhões (US$ 1,4 bilhão no mesmo período de 2009). Suas vendas aumentaram 14% na região e no Brasil foram vendidos 88 mil veículos, um recorde.

Na Europa, os lucros de US$ 107 milhões foram consequência do aumento das vendas e redução dos custos. A receita foi de US$ 7,7 bilhões (US$ 5,8 bilhões em 2009).

Ford controla agora 9,4% do mercado europeu e em março foi a marca que mais vendeu em 19 mercados europeus.

Na Ásia Pacífico e África, a Ford ganhou US$ 23 milhões, frente aos US$ 97 milhões de perdas no primeiro trimestre de 2009.

Ford Credit, o braço financeiro da empresa, terminou os três primeiros meses do ano com lucro de US$ 828 milhões (US$ 36 milhões de perdas em 2009).

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host