UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/05/2010 - 22h20

China e EUA dizem que negociações sobre sanções ao Irã avançam bem

EFE
Washington, 12 mai (EFE).- A chefe da diplomacia americana, Hillary Clinton, e o conselheiro de Estado da China, Dai Bingguo, afirmaram hoje que as negociações no Conselho de Segurança da ONU sobre novas sanções ao Irã "avançam bem".

Em conversa por telefone, os dois abordaram o estado das negociações para aprovar, o mais rápido possível, uma quarta série de sanções ao Irã por seu programa nuclear e "reconheceram que se avançou bem", como indicou o porta-voz do Departamento de Estado americano, Philip Crowley.

Ambos discutiram alguns "assuntos técnicos" para a elaboração de uma minuta de resolução, e se comprometeram a seguir trabalhando "duramente" para resolver as "questões que ficam" por definir, ressaltou o porta-voz.

Horas antes da ligação de Hillary para Dai, em Nova York se reuniu o grupo negociador para a questão nuclear (EUA, Rússia, França, Reino Unido e China e Alemanha) para avançar nas conversas.

A chefe da diplomacia americana e o conselheiro de Estado também abordaram o programa nuclear norte-coreano e a recente visita do ditador Kim Jong-il à China.

Dai detalhou a Hillary um pouco mais do conteúdo das conversas que Pequim manteve com o líder comunista depois dos relatórios que a China já tinha dado aos EUA sobre a visita de cinco dias de Kim Jong-il, como explicou Crowley.

Na visita, o ditador norte-coreano se comprometeu a retomar as negociações de seis lados (Coreia do Norte, Coreia do Sul, EUA, Rússia, Japão e China), paralisadas desde finais de 2008.

Por outro lado, Clinton e Dai também conversaram sobre a investigação da Coreia do Sul sobre a explosão, há algumas semanas, de um navio de guerra perto da disputada fronteira marítima com o Norte, num incidente que deixou 46 pessoas desaparecidas.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host