UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

10/06/2010 - 19h02

Paraguai defende consenso para que Venezuela ingresse no Mercosul

EFE
Assunção, 10 jun (EFE).- O presidente do Paraguai, Fernando Lugo, defendeu hoje um consenso político no Congresso, de maioria opositora, para concretizar a aprovação do ingresso da Venezuela ao Mercosul, como já fizeram o Brasil, Uruguai e Argentina.

"Não consigo acreditar que os outros três países do Mercosul estejam equivocados e que só nós tenhamos a razão", insistiu Lugo diante dos jornalistas no departamento de Caazapá.

"Devemos conversar para que haja um consenso e ver que o que é melhor para a região", acrescentou.

A decisão da adesão da Venezuela ao bloco sul-americano ficou nas mãos do Paraguai depois que o Congresso brasileiro aprovou em dezembro de 2009 esse pedido, em virtude do protocolo de adesão pactuado pelos Governos dos quatro países em 2006.

Lugo acrescentou que não é justo impedir o acesso de todo um país ao Mercosul só por discordar com a política de seu líder, que, segundo o governante paraguaio, em algum momento deixará o poder.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host