UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/06/2010 - 21h24

Apple deve mostrar conteúdo que considerava obsceno de obras de Joyce e Wilde

EFE
Washington, 15 jun (EFE).- A Apple mostrará as imagens que tinha censurado como obscenas nas aplicações de Ipad que dão acesso aos romances "Ulysses", de James Joyce, e "The Importance of Being Earnest", de Oscar Wilde, informou hoje a imprensa americana.

Segundo o site do jornal "The New York Times", a companhia mudou sua decisão de tirar as imagens de mulheres nuas que apareciam no livro de histórias em quadrinhos da obra de Joyce.

As restrições tinham sido impostas também sobre os desenhos de homens nus se beijando na obra de Wilde.

"A companhia basicamente pede perdão", disse ao jornal nova-iorquino Chad Rutkowski, porta-voz da editora que publicou a versão de "Ulysses".

"Disseram que deram uma segunda olhada no conteúdo e que se deram conta de que não é obsceno nem nada parecido", acrescentou o responsável.

Os dois livros sofreram censura no passado e causaram escândalo, mas o de Joyce acabou em 1930 com um julgamento que declarou que "não era obsceno". Já as críticas à moralidade de Wilde se deram na Inglaterra do século XIX.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host