UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/06/2010 - 22h11

Obama promete conter na próxima semana 90% do petróleo do golfo

EFE
Washington, 15 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou hoje que nas próximas semanas será possível recuperar 90% do petróleo que emana do poço da BP no Golfo do México.

Em discurso à nação direto do Salão Oval, Obama buscou informar aos americanos do real estado da catástrofe, falar sobre eventuais ressarcimentos e esclarecer a ideia de uma nova lei de energia que incentive o investimento em fontes alternativas.

O presidente americano comparou o desastre com "uma epidemia", que não causa danos em questão de minutos ou dias. "Estaremos combatendo (a catástrofe) durante meses e anos", afirmou.

Obama assegurou que seu Governo combaterá as consequências do desastre durante o tempo que for necessário e que a BP terá que ressarcir por todos os danos causados.

E explicou que, desde o começo da crise, o Governo federal lançou o "maior esforço de limpeza meio ambiental" da história do país e conta com 30 mil pessoas em quatro estados para combater a maré negra.

Amanhã Obama se reunirá com o presidente da BP, a quem disse que dará instruções para que crie um fundo que compense os trabalhadores e empresários prejudicados economicamente pelo desastre.

O fundo, como ressaltou, não será controlado pela BP, mas administrado de maneira independente.

Obama anunciou também um plano a longo prazo para a recuperação do Golfo do México, uma área que, como explicou, ainda não se recuperou totalmente do furacão "Katrina".

O plano será arquitetado pelos estados, comunidades locais e residentes do golfo. O comando ficará com o secretário da Marinha, Ray Mabus, ex-governador do Mississipi, uma das regiões mais atingidas pelo petróleo.

O presidente americano disse ainda que o país deve trabalhar para evitar que um incidente do tipo aconteça de novo. E para isso, como frisou, foi criada uma comissão nacional para investigar as causas do desastre e dar recomendações sobre medidas a serem tomadas.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host