UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 13h33

China aumenta salário mínimo em províncias e prefeituras

EFE
Pequim, 1 jul (EFE).- Os salários mínimos serão reajustados em um terço em pelo menos nove províncias e prefeituras chinesas, entre estas Pequim, onde este o rendimento passará de 800 a 960 iuanes mensais (US$ 142), informou hoje a imprensa chinesa.

O aumento ocorre depois que o primeiro-ministro Wen Jiabao pediu melhores condições para os trabalhadores chineses, que nos últimos meses protagonizaram greves em multinacionais como Honda e Toyota, assinala o jornal "China Daily".

Na província central de Henan, a mais povoada do país com 100 milhões de habitantes e a que mais gera imigrantes em busca de emprego para as províncias mais desenvolvidas, os salários se elevarão em 33%, para os US$ 88,4.

Dentro dessa linha, o ministério de Seguridade Social anunciou que mais de 20 províncias, regiões e prefeituras devem aumentar o salário mínimo ainda este ano.

Na Prefeitura de Xangai, centro financeiro do país, os salários serão reajustados em 17%, para US$ 165, enquanto em Cantão, onde estão concentradas as maiores "fábricas do mundo", os pagamentos subiram 21%, para US$ 152.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host