UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/07/2010 - 01h13

Coreia do Sul tem superavit recorde de US$ 7,5 bilhões

EFE

Seul, 1 jul (EFE).- A Coreia do Sul obteve um superavit comercial de US$ 7,47 bilhões em junho, o nível mais alto desde que o dado começou a ser calculado, graças ao impulso das exportações do setor de estaleiros.

As exportações em junho chegaram a US$ 42,65 bilhões, 32,4% a mais que no mesmo mês do ano passado, enquanto as importações aumentaram 36,9%, até US$ 35,18 bilhões, segundo dados do Ministério da Economia.

Assim, a Coreia do Sul registra o maior superavit desde que o dado começou a ser calculado, em 1950, no quinto mês consecutivo com superavit comercial.

O Ministério sul-coreano explicou que o superavit em junho foi impulsionado pelas exportações dos estaleiros, que aumentaram em US$ 2 bilhões em relação ao mês anterior, assim como pela forte demanda em automoção e semicondutores.

Além disso, a Coreia do Sul registrou um superavit comercial de US$ 18,94 bilhões na primeira metade do ano.

As exportações aumentaram em 35% na primeira metade do ano, até US$ 222,45 bilhões em relação ao mesmo período do ano passado, enquanto as importações subiram 40%, até US$ 203,5 bilhões.

O superavit na primeira metade do ano foi devido às maiores exportações de semicondutores, que aumentaram 97,3% em comparação com o mesmo período do ano passado, enquanto as vendas de automóveis ao exterior avançaram 57,7%.

O Governo sul-coreano prevê que o superavit comercial em 2010 supere US$ 23 bilhões estimados anteriormente.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host