UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/07/2010 - 15h34

Índios ocupam hidrelétrica no Mato Grosso e retêm cerca de 100 funcionários

EFE
Rio de Janeiro, 25 jul (EFE).- Um grupo de cerca de 300 índios de 11 etnias diferentes ocuparam hoje a usina hidrelétrica de Dardanelos, em Aripuanã, no Mato Grosso, e fizeram 100 operários reféns, informou uma fonte oficial.

Equipados com facas e arcos, os indígenas retiveram os funcionário que trabalham na construção da usina e os prenderam em um alojamento.

"Os índios em nenhum momento ameaçaram suas vidas. Pediram tranquilamente que fossem para seus alojamentos", disse à Agência Efe Antonio Carlos Ferreira de Aquino, o coordenador regional da Fundação Nacional do Índio (Funai).

Os índios reivindicam compensações por parte das autoridades pelo impacto social, cultural e ambiental da obra, localizada a 30 quilômetros de sua reserva.

Aquino explicou que a empresa construtora "dinamitou" parte de um sítio arqueológico considerado sagrado pelos povos da região.

"Ao longo do tempo, os índios reivindicaram uma compensação, como prevê a lei de desmobilizações (de obras públicas). Como a hidroelétrica vai começar a operar no final deste ano, perderam a paciência", disse o representante da Funai.

O funcionário assegurou que as autoridades já decidiram manter uma reunião amanhã com os índios para estudar suas reivindicações e negociar a libertação dos trabalhadores.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host