UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/08/2010 - 13h25

China aumenta consumo de energia apesar do compromisso do Governo

EFE
Pequim, 5 ago (EFE).- China, um dos países mais poluentes e que mais energia utiliza no planeta, registrou um aumento do consumo de energia por unidade do PIB de 0,09% no primeiro semestre do ano, informou hoje o canal estatal de televisão "CFTV".

Segundo dados do escritório nacional de estatísticas, o consumo de energia chinês aumentou em 11,2% anualizado nos seis primeiros meses do ano, apesar dos compromissos anunciados por Pequim para reduzir este dado.

O Produto Interno Bruto (PIB) chinês cresceu 11,9% no primeiro trimestre do ano, e 10,3% no segundo, por isso que a média anual do primeiro semestre é de 11,1%, assinalou o escritório.

Segundo o organismo internacional de energia, a China se transformou no mês passado no principal consumidor de energia do mundo, superando os Estados Unidos, um extremo que Pequim negou.

O país asiático consumia 2,130 bilhões de toneladas de petróleo ou equivalente em 2008, a partir de 1,110 bilhão de toneladas de 2000.

Pela previsão do organismo de energia, em 2015 o país consumirá o equivalente a 2,780 bilhões de toneladas de gás, comparado com os 2,290 bilhões de toneladas que consumirão os EUA.

Estes dados são publicados depois de Pequim anunciar que melhoraria sua eficácia no uso da energia com redução de 20% entre 2005 e 2010.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host