UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

16/08/2010 - 11h42

Merkel diz que prioridade é consolidar orçamento, não reduzir impostos

EFE
Berlim, 16 ago (EFE).- A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou hoje que o objetivo de seu Governo é aproveitar o forte impulso econômico registrado pela Alemanha para a consolidação orçamentária, em resposta às novas propostas de seus parceiros liberais a favor de se estudar a possibilidade de reduzir impostos.

"A prioridade do Governo é a consolidação orçamentária", indicou o porta-voz governamental, Steffen Seibert, segundo quem nesta questão há "pleno acordo" entre a chanceler e o vice-chanceler e ministro de Assuntos Exteriores, o liberal Guido Westerwelle.

Seibert acrescentou que "será mantida a linha de austeridade" e expressou a "satisfação" de Merkel com o forte crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) no segundo trimestre do ano, de 2,2%.

Ele afirmou que Merkel e Westerwelle tinham discutido a questão por telefone e que não havia a menor divergência entre os dois, "embora por parte dos liberais sempre se insista nas reduções de impostos".
Hospedagem: UOL Host