UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/08/2010 - 11h23

Apple negocia acordo para ampliar oferta televisiva de iTunes

Nova York, 25 ago (EFE).- A empresa tecnológica Apple negocia com vários grandes grupos de comunicação para oferecer mais programas de televisão por meio de sua loja iTunes e, assim, reduzir seus preços, enquanto trabalha em um novo dispositivo, informa hoje "The Wall Street Journal" sem identificar suas fontes.

O jornal ressalta que a companhia está próxima de obter um acordo com a Walt Disney para oferecer programas de sua emissora "ABC" por meio do iTunes.

No entanto, segundo suas fontes, o plano enfrenta a resistência de outras emissoras como "CBS", "NBC" "Universal" (propriedade da General Electric), "News Corporation" (grupo do magnata Rupert Murdoch) e "Viacom".

A ideia da Apple é também oferecer episódios de séries televisivas em dispositivos eletrônicos por US$ 0,99 antes da estreia em suas respectivas emissoras a partir de setembro, quando começam as novas temporadas dos seriados.

O iTunes já permite downloads de cópias de programas, geralmente por US$ 1,99, para vê-los em dispositivos como iPad, iPhone e Apple TV, mas, segundo o diário, a empresa busca convencer seus provedores de conteúdo que, se reduzirem os preços, acabarão vendendo mais.

Além disso, o jornal destaca que a Apple trabalha em um novo dispositivo para que os usuários possam assistir programas em streaming (na internet, sem necessidade de fazer download).

Com essa iniciativa, a Apple pode ganhar posições no mercado televisivo americano, que está submetido à crescente pressão da concorrência, no ramo de aluguel de programas televisivos.

As ações da Apple estavam hoje em baixa de 0,67% na abertura do mercado eletrônico Nasdaq, onde, na terça-feira, fecharam valendo US$ 239,93 cada.

Hospedagem: UOL Host