UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

02/09/2010 - 09h54

Perfuração em mina chilena é retomada para resgate de trabalhadores

Santiago do Chile/Copiapó, 2 set (EFE).- Os trabalhos de resgate dos 33 mineradores que estão presos em uma mina no norte do Chile foram retomados na noite de ontem após terem sido suspensas por cerca de duas horas devido a falhas geológicas encontradas nas paredes da jazida, informaram autoridades locais.

O governo da região de Atacama, onde está localizada a mina San José, assegurou que a perfuração do duto por onde se espera que os trabalhadores sejam resgatados chegou a 40 metros de profundidade.

A presença de várias falhas geológicas, algo que os especialistas consideraram previsível, obrigou os operários que trabalham no resgate a utilizarem cimento para reforçar as paredes e evitar desmoronamentos.

A equipe de resgate deverá interromper hoje novamente a perfuração para voltar a concretar as paredes do duto, com o objetivo de impedir que a água possa entrar em fendas.

Os 33 mineradores, presos desde o dia 5 de agosto, receberam na quarta-feira à noite sua segunda refeição quente, com um menu que incluiu frango e frutas.
Hospedagem: UOL Host