UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

20/07/2009 - 10h29

Número de cheques fraudados cai 12,5% em junho, frente a maio

SÃO PAULO - O reflexo da maior cautela dos lojistas pode ser verificado na queda do número de cheques fraudados. Em junho, eles apresentaram queda de 12,5%, frente a maio, de acordo com Pesquisa divulgada nesta segunda-feira (20) pela TeleCheque.

Com relação a junho do ano passado, a queda foi de 6,67%. Para o vice-presidente da Telecheque, José Antonio Praxedes Neto, os varejistas estão aceitando mais a forma de pagamento com cheques, porém estão mais atentos. "O comércio brasileiro voltou a investir no recebimento com cheque, pois encontrou neste meio de pagamento uma ferramenta segura, de baixo custo e flexível".

Correndo atrás dos lucros

Reflexo da cautela também pode ser verificado no número de cheques honrados, que no mês passado apresentou aumento de 0,49 p.p frente a maio e de 0,71 p.p frente a junho de 2008. A cada 100 cheques emitidos, 97,69% deles foram honrados no País.

A maior cautela não significa vendas baixas. Segundo Praxedes, os varejistas querem vender mais e estão utilizando o cheque para garantir mais lucros. "Eles se sentem mais seguros e ousam, criando promoções. Isso garante a lucratividade do estabelecimento e fideliza a clientela que busca, acima de tudo, bons preços e facilidades de pagamento".

Cuidados com cheques

Tanto os consumidores como os lojistas devem ficar atentos na hora de utilizar e receber a folha. O consumidor deve ter atenção antes mesmo de ir às compras. Na hora de receber os talões em casa, confira se o envelope não está violado.

Na hora de preencher a folha, tenha o cuidado para não deixar espaços vazios, tanto nos valores números quanto por extenso. Lembre-se, também, de não andar com o talão inteiro, levando apenas com algumas folhas, separadas de documentos pessoais.

Já o lojista deve ficar atento na hora de conferir os dados da folha, como assinatura do cliente, conferida com um documento de identificação, com foto, bem como com o cartão do banco. Não aceite cheques rasurados ou com borrões. Certifique-se de que o número de telefone e endereço devem constar no verso da folha, com uma declaração de sua finalidade e endosso do consumidor.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host