UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

17/08/2009 - 11h56

Cresce a busca de mulheres de todo o mundo por investimentos

SÃO PAULO - Uma pesquisa realizada pelo Goldman Sachs revelou que, em todo o mundo, as mulheres estão buscando investir o dinheiro poupado.

Realizada com os países dos Brics e do N11*, o estudo revelou ainda que nos países em que o sistema bancário é limitado, como a Índia, aproximadamente a metade dos recursos do orçamento doméstico está empregada em bens físicos, como fazendas, equipamentos e joias.

Produtos financeiros mais simples, bem como os seguros, são os mais atrativos para as mulheres, conforme revelaram os dados.

Perfil de investimento

O estudo revelou que as mulheres tendem a guardar mais dinheiro do que homens, o que está ligado ao fato de elas terem uma vulnerabilidade econômica maior. Dados mostram que elas são minoria no mercado de trabalho e tendem a ganhar menos do que os homens. Daí a importância de fazer uma reserva financeira maior.

Se elas tivessem mais oportunidade, guardariam mais dinheiro em instrumentos formais de investimento, porque eles têm menos riscos. Além disso, os dados mostram que o maior poder de decisão das mulheres deve resultar em mais investimentos conservadores.

De acordo com os dados, os investimentos são importantes para a educação e para o acesso aos cuidados com a saúde, já que as mulheres concentram seus gastos nesses itens.

*Brasil, Rússia, Índia e China, mais Bangladesh, Egito, Indonésia, Irã, Coreia do Sul, México, Nigéria, Paquistão, Filipinas, Turquia e Vietnã

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host