UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

03/09/2009 - 19h03

Mercado brasileiro de fundos encerra agosto com captação de R$ 2,023 bilhões

SÃO PAULO - O mercado de fundos brasileiro encerrou agosto com um patrimônio líquido de R$ 1,310 trilhão, frente a R$ 1,297 trilhão no mês anterior. Desconsiderando o PL dos fundos off-shore, o valor foi de R$ 1,278 trilhão, contra R$ 1,265 trilhão em julho.

O segmento com maior participação é renda fixa, que respondeu por 27,63% do patrimônio líquido em agosto - pouco menos do que o mês anterior, quando marcou 27,63%.

Captação

Entre as maiores captações líquidas do mês, destaque para o avanço do segmento multimercados, que fechou agosto com R$ 8,037 bilhões. Os fundos de renda fixa, segundo lugar entre as captações, tiveram entrada líquida R$ 2,129 bilhões no período.

Já o FIDC teve captação negativa de R$ 10,193 bilhões no mês, a pior entre os segmentos. Com este resultado, a categoria de fundos de multimercados ultrapassou os FIDCs no acumulado do ano: R$ 21,834 bilhões contra R$ 18,685 bilhões.

Há três segmentos que, em 2009, registram saldo negativo na captação - referenciado DI, dívida externa e cambial. No total, o mercado de fundos doméstico teve captação líquida de R$ 2,023 bilhões no mês - levando o total de captação do ano para R$ 62,823 bilhões.

Importante mencionar que os dados da Anbid (Associação Nacional dos Bancos de Investimento) não incluem as informações referentes aos fundos imobiliários.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host