UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/10/2009 - 09h20

TOV troca Vale por Randon em sua carteira recomendada para o mês de outubro

SÃO PAULO - A TOV Corretora divulgou seu portfólio de recomendações para o mês de outubro, com cinco ações que devem apresentar bom desempenho no período na opinião de seus analistas.

Em relação à carteira sugerida em setembro, a única alteração foi a saída dos papéis da Vale, que deram lugar para os ativos da Random Participações. O analista sênior da corretora, André Mello, aponta perspectivas positivas para a companhia no médio e longo prazo, como justificativa da sugestão.

Confira a carteira

Empresa Código Preço-Alvo
AES Tietê GETI4 R$ 28,00
Randon RAPT4 R$ 19,25
Klabin KLBN4 R$ 6,00
Eletropaulo ELPL6 R$ 48,00
Confab CNFB4 R$ 7,80


AES Tietê

A corretora destaca a resistência da companhia à crise, visto que toda sua energia está contratada até 2016. "Com baixo endividamento, investimentos a nível apenas de manutenção e alto poder de geração de caixa, deverá continuar a distribuir 100% de seu lucro em dividendos" finaliza a TOV.

Randon

O analista credita o otimismo com a companhia à expectativa de recuperação da economia brasileira, com reaquecimento da demanda, aumento da disponibilidade de crédito e expectativa de manutenção da taxa de juro no atual patamar. Além disso, a diversidade dos produtos ofertados pela empresa, a elevada idade média da frota nacional e a exposição da companhia ao mercado interno também constituem bons drivers de crescimento para a Randon.

Klabin Apesar do cenário mais difícil, os analistas acreditam que a companhia irá apresentar melhora gradual em suas margens operacionais em virtude da redução de seus custos e despesas.

Eletropaulo

Atuando na região de maior poder aquisitivo do País, a companhia é uma grande geradora de caixa. Aliado às baixas necessidades de investimento, resulta em boas perspectivas de dividendos.

Confab

Inserida em um cenário muito positivo, de acordo com a visão da TOV, a companhia deverá se beneficiar dos investimentos no pré-sal e do acordo entre Vale e Petrobras para exploração de gás natural no litoral do Espírito Santo.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host