UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

07/10/2009 - 13h38

Informações sobre serviços ainda geram problemas nos SACs bancários

SÃO PAULO - O consumidor que deseja receber informações sobre os serviços contratados ou que gostaria de contratar algum serviço ainda encontra problemas no atendimento dos SACs bancários.

A conclusão é da Pro Teste - Associação de Consumidores, que analisou os SACs de 12 dos maiores bancos do País e apurou que a maioria funciona apenas para dar informações gerais, como números de telefones de agências, ou para procedimentos básicos, como o cancelamento de serviços e o registro de sugestões ou reclamações.

Segundo a entidade, perguntada sobre as taxas cobradas em seus cartões de crédito, a maior parte das instituições não soube dar a informação e acabou fornecendo outro número de telefone, o que fere a Lei dos Call Centers, que obriga as instituições a terem um único número de atendimento informando sobre todos os serviços prestados pelo banco, sem a necessidade de o consumidor ser cliente da instituição.

Outros problemas

A Pro Teste encontrou ainda problemas no fornecimento do número de protocolo ao qual se refere a chamada e que deve ser dado no início da ligação, para que o consumidor possa facilmente acompanhar suas demandas ou mesmo reclamar de serviços mal prestados. De acordo com a Associação, somente metade dos bancos pesquisados forneceu o número.

Dificuldade semelhante foi encontrada no fornecimento das gravações das conversas telefônicas, que, caso o consumidor queira, devem ser enviadas em até dez dias. Neste caso, informa a instituição, de nove pedidos feitos, somente quatro foram enviados.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host