UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

22/12/2009 - 11h47

Aluguel e tarifa de energia elevam inflação deste ano, diz FGV

SÃO PAULO – O aluguel e a tarifa de energia foram os gastos que mais pesaram no IPC-10 (Índice de Preços da Consumidor), da FGV (Fundação Getulio Vargas) - primeiro índice a concluir o ciclo de 12 meses em 2009. Segundo a entidade, despesas com o grupo Habitação foram as que mais influenciaram na alta de 4,10% do índice nos 12 meses de 2009.

Somente despesas com aluguel residencial subiram 7,25% neste ano e a tarifa de energia elétrica apresentou alta de 5,54% no período. O grupo Habitação compromete 30% do orçamento familiar.

Segundo o levantamento, o índice deste ano ficou abaixo do apurado em 2008, quando registrou alta de 6,05%.

AlimentaçãoDe acordo com a FGV, em 2009, itens do grupo Alimentação também elevaram o índice. Produtos como a cebola apresentaram aumento de 94,17% e a batata-inglesa subiu 77,86% no mesmo período. O açúcar refinado aumentou 60,31%, o alho 46,41% e a cenoura 36,47%.

Esses aumentos fizeram com que a variação acumulada pelo IPC/FGV apresentasse crescimento de 32% nos 12 meses de 2009.

QuedasEm contrapartida, alguns itens, também do grupo Alimentação, registraram recuo neste ano. Produtos como o feijão preto (-44,52%), feijão carioquinha (-38,45%), arroz branco (-16,61%), carne moída (-9,56%) e leite tipo longa-vida (-5,09%) apresentaram quedas importantes que impediram um aumento maior no índice.

Segundo o economista da FGV, André Braz, responsável pelo levantamento, o feijão preto e o arroz branco reverteram a tendência de aumentos neste ano, uma vez que, em 2008, esses produtos apresentaram aumentos de 44,74% e 31,66%, na ordem.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host