UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

22/12/2009 - 17h55

BofA Merrill Lynch elege Iguatemi como top pick entre empresas de shopping center

SÃO PAULO – Na linha das perspectivas positivas para a economia brasileira em 2010, o Bank of America Merrill Lynch divulgou nesta terça-feira (22) relatório sobre o as empresas de shopping center do País. Refletindo as projeções otimistas do banco norte-americano para o Brasil, o relatório contém diversas elevações de recomendação e preço-alvo – considerando ainda que grande parte do crescimento brasileiro deve ser impulsionado pelo consumo.

Top pickA Iguatemi é a top pick do setor na América Latina, conforme apontado pelo BofA Merrill Lynch, com preço-alvo de R$ 45,00 e recomendação de compra. Para os analistas, a empresa deve ter o maior crescimento entre as operadoras de shopping centers, com a inauguração de cinco novos shoppings até o final de 2011. “Também esperamos que a companhia anuncie novos empreendimentos para entrega entre 2012 e 2014”, afirmam.

Segundo o BofA Merrill Lynch, as suas estimativas para a empresa são até conservadoras, porque não consideram expansões de shoppings já existentes e novas aquisições. A expectativa de margens sólidas nos próximos três anos e o atual preço dos ativos completam a recomendação.

Upgrades e downgradesAs boas perspectivas macroeconômicas beneficiam algumas empresas do setor: caso da General Shopping. A recomendação da empresa foi elevada para “neutra” com a expectativa de que seu desempenho seja beneficiado pelo retorno da liquidez, estabilidade nas taxas de inflação e de juro, além do aumento do poder de compra da população – em especial das classes B e C.

Além disso, a General Shopping deve se beneficiar de um refinanciamento de sua dívida para um período mais longo de pagamento, deixando a companhia em uma situação financeira “mais confortável”. O preço-alvo dos papéis também foi elevado para R$ 11,00.

Apesar de não ter alterado a recomendação da Br Malls, os analistas do BofA Merrill Lynch elevaram o preço-alvo dos papéis da companhia e esperam o avanço rápido, ao lado da Iguatemi. As boas margens da companhia em 2009 e o cenário macroeconômico, combinados a uma grande expectativa de crescimento através de expansões e novos shoppings, justificam a recomendação de compra.

Entretanto, mesmo com visão positiva para o setor, o banco norte-americano reduziu a recomendação da Multiplan para neutra, considerando o atual patamar dos ativos. “Reconhecemos as margens sólidas e o portfólio forte da empresa, mas o potencial de valorização limitado, performance melhor do que o restante do setor em 2009 e potencial de valorização das demais empresas do setor limitam as possibilidades da Multiplan”, afirmam os analistas.

Empresa    Recomendação       Preço-alvo       Upside*  
Iguatemi compra R$ 45,00 44,9%
BR Malls compra R$ 28,00 28,7%
Multiplan neutro R$ 38,00 10,1%
General Shopping neutro R$ 11,00 26,8%

*potencial de valorização com base no fechamento de 21 de dezembro

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host