UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

18/01/2010 - 08h42

Tarifa de ônibus influencia aceleração do IPC-S na segunda semana do ano

SÃO PAULO - O IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal) encerrou a segunda semana de janeiro com alta de 0,78%. Dessa forma, o índice registrou aceleração frente à primeira semana do ano, quanto atingiu 0,51%. Frente ao mesmo período do ano passado, também houve aceleração, já que naquela semana, os preços registraram alta de 0,69%.

De acordo com dados da FGV (Fundação Getulio Vargas), o aumento foi influenciado, especialmente, pela alta do grupo Transportes (de 0,78% para 1,63%), por conta do aumento da tarifa de ônibus urbano, cuja variação passou de 1,08% na primeira semana deste mês para 3,24% para o período que se encerrou no último dia 15.

O grupo Alimentação (de 0,87% para 1,14%) também exerceu forte influência no período, sendo que o item laticínios (de –0,37% para 0,86%), por exemplo, foi o principal destaque da semana.

O grupo Educação, Leitura e Recreação (de 0,40% para 1,28%) também foi destaque na semana. A principal contribuição do grupo partiu do item cursos formais, que passou de 0,62% para 2,14%.

Mais aumentos

Outros grupos apresentaram acelerações entre a primeira e a segunda semana de janeiro. No grupo Habitação, que passou de uma variação de 0,18% para 0,22%, o destaque ficou por conta do item material de limpeza (de 0,67% para 1,13%). Já no grupo Saúde e Cuidados Pessoais (de 0,23%para 0,28%), o principal aumento se deu no item artigos de higiene e cuidado pessoal (de 0,08% para 0,26%).

Os valores da tarifa postal (de 2% para 4,28%) foi o item que mais influenciou a aceleração do grupo Despesas Diversas, que passou de 0,21%, registrado na primeira semana do ano, para 0,24%, apresentada na semana encerrada no dia 15 deste mês.

Na contramão

O grupo Vestuário foi o único que registrou desaceleração no período analisado, ao passar de 0,93% para 0,77%.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host