UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

26/01/2010 - 08h45

Confiança do consumidor tem alta de 0,6% entre dezembro e janeiro



SÃO PAULO - A confiança do consumidor em relação à situação econômica do País apresentou alta de 0,6% entre dezembro de 2009 e janeiro deste ano, passando de 112,3 pontos para 113 pontos, segundo o Índice de Confiança do Consumidor (ICC), medido pela FGV (Fundação Getulio Vargas).

Segundo a instituição, o resultado foi influenciado pela melhora no Índice da Situação Atual, que avançou 3,2% e registrou 124,8 pontos neste mês - o melhor resultado da série histórica, iniciada em 2005. Já o Índice de Expectativas segurou o aumento do ICC, pois registrou queda de 1%, saindo de 107,7 pontos para 106,6 pontos - o menor nível desde maio de 2009.

Situação econômica local

A avaliação dos consumidores em relação à evolução da situação econômica local nos seis meses seguintes apresentou piora, sendo que a proporção dos que preveem melhora reduziu-se de 26,2% para 23,9%. Por outro lado, a parcela dos que acreditam que haverá piora aumentou de 9,1% para 10%.

A maior contribuição para a queda do ICC em janeiro foi da situação financeira da família, que aumentou. O número daqueles que acreditam que haverá melhora nessa situação passou de 17,5% para 20,4%. Já a proporção daqueles que creem em piora saiu de 13,2% para 12,2%.  

Sobre a pesquisa

A Sondagem de Expectativas do Consumidor leva em consideração os seguintes quesitos: situação econômica do País, da família, do orçamento doméstico, do grau de dificuldade de encontrar trabalho e intenções de compras de bens de alto valor.

O levantamento foi realizado entre os dias 4 e 21 de janeiro em mais de dois mil domicílios nas sete principais capitais brasileiras.

 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host