UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/02/2010 - 15h14

Chuvas podem aumentar em até 20% preços do seguro de automóveis, diz sindicato

SÃO PAULO - O grande volume de chuvas registrado no estado de São Paulo no último mês de janeiro pode aumentar em até 20% o preço dos seguros de automóveis para os consumidores. A previsão é do presidente do Sincor-SP (Sindicato dos Corretores de Seguros do estado de São Paulo), Leoncio de Arruda.

“Entre dezembro e janeiro houve aumento na sinistralidade. Dessa forma, se as seguradoras perceberem ao final do primeiro trimestre elevação no pagamento de indenizações, haverá aumento, que pode chegar a 20%”, diz.

Dicas

Para se ter uma ideia, entre o último mês do ano passado e o primeiro deste ano, a Porto Seguro registrou crescimento, em relação à média mensal, de 30% nos pedidos de indenização por alagamento, com perda parcial ou total do automóvel.

No dia 21 de janeiro, quando houve um grande volume de chuvas na capital paulista entre uma e três horas da manhã, a seguradora apurou um volume de socorros 371% maior que o habitual, sendo que 45% desses serviços estavam diretamente relacionados com a inundação do veículo, parcial ou totalmente.

No que diz respeito ao seguro, o presidente do Sincor-SP informa que só estão protegidos contra danos causados por enchentes os segurados que optarem por seguro total do veículo, o que corresponde a 90% dos seguros individuais de automóveis feitos no Brasil.

Ele orienta ainda que, ao se deparar com uma inundação, o motorista não deve em hipótese alguma tentar atravessá-la ou, caso o carro não funcione, tentar ligá-lo ou retirá-lo do lugar, sob risco de dificultar ou inviabilizar o pagamento do seguro.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host