UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

11/02/2010 - 15h56

VGBL cresce quase 29% em 2009, revela Fenaprevi

SÃO PAULO – O VGBL (Vida Gerador de Benefício Livre) consolidou sua popularidade em 2009, com crescimento de quase 29% em captações, em um volume de R$ 30,2 bilhões, de acordo com dados da Fenaprevi (Federação Nacional de Previdência Privada e Vida).

Já o PGBL (Plano Gerador de Benefício Livre) registrou uma alta mais tímida, de 4,48%, para R$ 5,2 bilhões. No PGBL, existe a possibilidade de deduzir do Imposto de Renda até o limite de 12% da renda bruta anual, para quem declara pelo formulário completo. Quem não se encaixa neste perfil já parte para o VGBL.

Mas o VGBL também é opção para quem já superou o teto permitido para dedução das contribuições ao PGBL e ainda deseja investir em previdência. O VGBL tem como benefício fiscal um imposto menor na hora do resgate do volume.

Números de 2009

Em relação às provisões – recursos acumulados pelos titulares dos planos do sistema de previdência complementar -, o VGBL cresceu 33,98% no ano passado, atingindo R$ 96,5 bilhões, enquanto o PGBL aumentou 22,88%, para R$ 48,4 bilhões.

Quanto ao market share, os planos VGBL mantiveram a liderança nos depósitos no sistema de previdência privada, com 54,65% do total, seguidos pelos planos PGBL (27,43%).

Sobre as carteiras de investimentos – ativos que garantem as provisões técnicas -, o VGBL teve alta de 35,96% em 2009, para R$ 96,2 bilhões, enquanto o PGBL registrou aumento de 22,99%, para R$ 48,7 bilhões.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host