UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/02/2010 - 12h15

Sabesp: moradores afetados por rompimento da adutora terão conta reduzida

SÃO PAULO – A Sabesp vai conceder desconto na conta de água  do mês de março aos 750 mil moradores afetados pelo rompimento da adutora Teodoro Ramos, na zona sul de São Paulo, ocorrido no domingo (7).

Os usuários terão redução correspondente à tarifa mínima cobrada pela empresa de dez metros cúbicos de água (dez mil litros) ao mês.

As cerca de 300 mil pessoas que consumiram até 10 m³ no período terão conta zero. Os demais 450 mil moradores pagarão apenas a diferença (terão desconto de 10 mil litros).

De acordo com o consumo

Um consumidor residencial normal, por exemplo, terá uma compensação de R$ 27,28 – equivalentes a R$ 13,64 da tarifa da água e R$ 13,64 do esgoto –, caso tenha consumido até 10 mil m³. A conta de março será zero.

No caso de um consumo de 15 m³, a conta normal seria de R$ 48,58. Com a redução, passará a ser de R$ 21,30 ou 56% a menos.

No caso de prédios que possuem apenas um medidor, o cálculo será feito, segundo a Sabesp, considerando todas as unidades (apartamentos) e a compensação será correspondente à tarifa mínima de 10 mil litros para cada um.

As regiões afetadas foram Butantã, Pirajuçara, Vila Sônia e Morumbi, em São Paulo. Em Cotia, parte da Granja Viana, além de parte de Taboão da Serra e Embu, nos bairros Santo Eduardo e Vista Alegre.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host