UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

12/02/2010 - 15h04

Taxistas de São Paulo pedem reajuste de até 27,7% no valor da corrida

SÃO PAULO – A corrida de táxi na cidade de São Paulo pode ficar mais cara. O Sindicato de Taxistas Autônomos encaminhou à Secretaria Municipal de Transportes pedido de reajuste da corrida, em até 27,7%. 

O valor da corrida de táxi não é reajustado há três anos. O último aumento, de 15,35%, foi concedido em dezembro de 2006. O Sindicato afirmou, por meio de sua assessoria de imprensa, que o índice proposto tomou por base um estudo realizado pelo próprio órgão, que considerou as variáveis de inflação da cidade dos últimos três anos.

Os aumentos dos preços dos combustíveis, pneus, cesta básica e das tarifas de transporte público foram alguns fatores que pesaram na conta. 

Concordância

O valor final do reajuste foi aprovado pela categoria em assembleia realizada pelo sindicato no último dia 23 de janeiro. Porém, a entidade ressalta que a corrida dificilmente será reajustada em 27,7%. Isso porque, a Secretaria Municipal de Transportes também realiza um estudo para verificar o percentual mais adequado.

De acordo com o Sindicato, os valores dificilmente coincidem, até porque os dois órgãos possuem critérios diferentes na hora de fechar a conta. Dessa contra-proposta da Secretaria, é que o reajuste real será definido. 

A proposta do Sindicato foi entregue ainda no final de janeiro e, a partir da data, a Secretaria tem 30 dias para dar alguma resposta àentidade que representa os taxistas. O órgão espera que, até o final do mês, a Secretaria apresente uma proposta de reajuste. 

A partir daí, os dois órgãos vão se reunir e tentar um consenso. 

Qualidade do serviço

Na cidade de São Paulo existem cerca de 33 mil taxistas. Segundo o sindicato, a categoria alega que o reajuste é essencial também para a manutenção da qualidade do serviço.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host