UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

26/02/2010 - 15h36

Inscrição indevida em listas de inadimplentes motiva queixas em juizados cíveis

SÃO PAULO - A inscrição indevida em órgãos de proteção ao crédito é uma das principais queixas dos consumidores, resultando assim em uma das maiores incidências nos Juizados Especiais Cíveis, segundo informa o advogado civilista, sócio da Loyo, Santos e Ventura Advogados Associados, André do Santos.

Para ele, uma das causas do grande número de reclamações está na falta de hábito das empresas em checar a documentação de quem está contratando o serviço.

“Hoje, muitas empresas vendem serviços via telefone, por exemplo, e, quando vão fazer a instalação desse serviço, acabam nem checando a documentação dos dados passados anteriormente. Isso abre espaço para que pessoas de má-fé contratem serviços e comprem produtos em nomes de outras”, diz.

O que fazer nestas situações?

Ainda de acordo com Santos, as vítimas de inscrições indevidas em cadastros de inadimplentes devem, primeiramente, procurar a empresa envolvida e tentar reverter a situação. Outra alternativa, segundo a advogada sócia do escritório R. Silva e Advogados, Fernanda Figueiredo Malaguti,é encaminhar uma notificação extrajudicial, expondo que não contraiu a dívida, solicitando o cancelamento da inserção e o envio de cópia da documentação que a motivou.

Caso isso não seja possível, a pessoa deve procurar um órgão de defesa do consumidor ou a Justiça.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host