UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

01/03/2010 - 12h52

Maioria dos imóveis adquiridos na capital é paga à vista

SÃO PAULO - A compra à vista predomina entre as negociações de imóveis na capital paulista. Em novembro do ano passado, 59,43% dos imóveis adquiridos usaram essa forma de pagamento, segundo o Creci-SP (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo).

É no litoral, porém, que a compra à vista foi ainda mais popular. Lá, 70,94% dos imóveis adquiridos em novembro foram pagos dessa maneira, enquanto no interior do estado 55,62% dos compradores fizeram essa opção.

Na região compreendida pelas cidades de Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Osasco e Guarulhos, por sua vez, a compra de imóveis usados à vista foi a opção de apenas 15,69%. Uma boa parte (35,29%) escolheu o financiamento pela CEF (Caixa Econômica Federal) ou a negociação direta com o proprietário (34,31%).

Aquisição da casa própria

Na tabela abaixo, é possível verificar qual a forma de pagamento mais usada em cada região do estado de São Paulo:

Pagamento Capital Interior ABCDOG* Litoral
À vista 59,43% 55,62% 15,69% 70,94%
Financiamento

com CEF
26,42% 43,82% 35,29% 18,80%
Financiamento com

outros bancos
9,43% 0,56% 12,75% 0,85%
Direto com proprietário 3,77% nulo 34,31% 5,98%
Consórcio 0,94% nulo 1,96% 3,42%

Fonte: Creci-SP

* regiões do ABCD mais Osasco e Guarulhos

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host