UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/03/2010 - 16h35

Feriado de Páscoa: aluguel no litoral varia de R$ 150 a R$ 680 por dia, aponta Creci-SP

SÃO PAULO - Ao se preparar para aproveitar o feriado de Páscoa na praia, é bom conhecer a média dos preços das diárias dos imóveis, que estão até 59% menores que o valor praticado no Carnaval.

Segundo os dados divulgados pelo Creci-SP (Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo) nesta sexta-feira (5), o menor valor médio encontrado, de R$ 150 por dia, foi o de casas do tipo quarto/cozinha, no Litoral Sul - onde estão a Praia Grande e Mongaguá.

O maior valor, de R$ 680 por dia, foi o de casas de quatro dormitórios em cidades como Ubatuba e São Sebastião, no Litoral Norte. No Carnaval, esse mesmo imóvel era encontrado por R$ 950 a diária.

"Além de estarem mais baratas, as diárias podem sofrer descontos se o interessado na locação fechar negócio mais cedo, não deixar para a última hora", orienta o presidente do Creci-SP, José Augusto Viana Neto. Além da antecedência, o prazo do aluguel pode influenciar no preço final. "Quanto mais tempo de permanência, maior a possibilidade de um desconto no valor do pacote", aconselha.

Quanto custa

Na tabela abaixo, é possível conferir o valor médio das diárias das casas e apartamentos oferecidos no litoral paulista para o próximo feriado:

Tipo Litoral Sul Litoral Centro Litoral Norte
Apto

(quitinete)
R$ 135

R$ 167,50 R$ 200

Casa

(um quarto)
R$ 250 R$ 300 R$ 260

Apto

(um quarto)
R$ 150

R$ 143,30

R$ 127,50

Casa

(dois quartos)
R$ 325 R$ 371 R$ 340

Apto

(dois quartos)
R$ 180

R$ 250

R$ 238

Casa

(três quartos)
R$ 400

R$ 450

R$ 474

Apto

(três quartos)
R$ 300

R$ 375

R$ 345

Casa

(quatro quartos)
R$ 450

R$ 550

R$ 680
Apto

(quatro quartos)
R$ 400

R$ 550

R$ 323

Fonte: Creci-SP

Variações

Apenas para se ter uma ideia, passar três dias (de 2 a 4 de abril) em uma casa de três dormitórios no Litoral Sul representa um gasto de R$ 1.200, enquanto no litoral Norte o gasto seria de algo em torno de R$ 1.422 e, no Central, de R$ 1.350.

Ainda segundo o Creci, a diária que mais baixou em relação ao Caraval foi a de apartamentos de 1 dormitório no Litoral Central: de R$ 349,20 para R$ 143,30, uma queda de 59%.

Também houve duas altas na comparação entre os períodos. Uma delas foi de 56%, encontrada nas casas de 1 dormitório no Litoral Sul, que subiram de R$ 160 para R$ 250. O outro aumento também envolveu casas de 1 dormitório, mas no Litoral Central: subiram de R$ 240 para R$ 300 - alta de 25%.

Levantamento

A pesquisa constatou ainda o número de pessoas permitidas por apartamento ou casa, que varia conforme o tamanho. Em média, são aceitas entre 2 e 8 pessoas em apartamentos tipo kitinete. Imóveis com quatro dormitórios aceitam geralmente entre 8 e 15 pessoas.

O levantamento foi feito com 42 imobiliárias nas cidades de Bertioga, Caraguatatuba, Guarujá, Ilhabela, Itanhaém, Mongaguá, Praia Grande, Santos, São Sebastião, São Vicente e Ubatuba.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host