UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/03/2010 - 07h35

WinTrade troca TAM por Brookfield em seu portfólio recomendado para março

SÃO PAULO - A WinTrade divulgou sua carteira recomendada para março com uma alteração em relação ao portfólio anterior, quando as ações sugeridas reportaram um desempenho positivo de 1,3%, enquanto o Ibovespa avançou 1,7%.

Segundo os analistas da corretora, a boa performance ocorreu por conta do desempenho das ações da Vale e Usiminas. No entanto, como a carteira não alcançou seu benchmark, a WinTrade optou por excluir a TAM, que teve desempenho deteriorado por causa do IPO da Multiplus (sua subsidiária) e pela valorização do dólar e do petróleo, o que pressionou seus custos.

Assim, a corretora agora recomenda os papéis ordinários da Brookfield.

Confira as recomendações:

Empresa Código Preço-alvo* Upside** Peso
Vale VALE5 R$ 52,50 14,13% 20%
Petrobras PETR4 R$ 53,00 50,57% 20%
Lojas Americanas LAME4 R$ 19,50 46,29% 20%
Brookfield BISA3 R$ 13,20 52,24% 20%
Usiminas USIM5 R$ 65,00 23,81% 20%
*O patamar esperado corresponde à análise fundamentalista da corretora

**Potencial de valorização com base na cotação de fechamento do dia 4 de março de 2010


Petrobras

A corretora espera melhora dos balanços da empresa, impactados pela elevação recente das cotações do petróleo. Além disso, a WinTrade destaca que a ampliação da capacidade de refino e distribuição da estatal tem amenizado o impacto da volatilidade do preço do barril de óleo no mercado internacional.

Lojas Americanas

A Lojas Americanas deve ser beneficiadas pela melhoria da renda da população e o aumento do crédito no mercado doméstico, aponta a corretora. "Ela é uma excelente opção para quem planeja investir em uma retomada consistente do crescimento doméstico, pouco dependente do desempenho mundial", conclui a equipe de analistas.

Usiminas

A empresa tem múltiplos atrativos e deve apresentar bom desempenho, em decorrência da melhora dos setores dependentes de aço. Além disso, a companhia é beneficiada pela expansão do setor automobilísitico e de linha branca, no Brasil.

Brookfield

A corretora aponta que a elevação da taxa básica de juros pelo Banco Central - o que deve ocorrer em breve - terá efeito limitado nos resultados da companhia, já que grande parte dos recentes contratos de crédito já estão incorporando esta alta. "A empresa tem conseguido superar suas previsões de vendas, e as expectativas são de excelentes resultados para os próximos anos".

Vale

A WinTrade destaca o setor de atuação da Vale, a mineração, que tem elevadas margens de lucro. Além disso, a companhia é a segunda empresa que mais gera caixa no Brasil, avalia a corretora. A recuperação de preços prevista para este ano, além da promoção de diversificação de seus produtos, deve garantir sua receita.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host