UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/03/2010 - 14h41

Alto custo impede uso mais amplo de mensagem SMS no Brasil

SÃO PAULO – O alto custo impede um uso mais amplo do serviço de envio de mensagens SMS por celular no Brasil, revelou uma pesquisa realizada pela Acision.

De acordo com os dados, enquanto o custo médio de um SMS é de R$ 0,05 nos Estados Unidos, no Brasil ele chega a ser quase cinco vezes maior, de R$ 0,24. Os argentinos, por sua vez, desembolsam cerca de R$ 0,07 por mensagem, enquanto os venezuelanos têm um gasto de R$ 0,21 por SMS.

Não por menos, os norte-americanos chegam a enviar uma média de 451 mensagens SMS por mês, número que cai para 198 na Venezuela, para 122 na Argentina e para apenas 13 no Brasil.

Pacotes

Os dados estão na pesquisa MAVAM (Monitor Acision de VAS Móvel), divulgada na quarta-feira (24) e que apresenta indicadores de serviços de valor adicionado (VAS) no celular para as cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Segundo a pesquisa, uma forma de driblar o alto valor seria diminuir o custo médio unitário do SMS por meio da venda de pacotes de mensagens.

Apesar de caras, as mensagens são os serviços de valor adicionado mais utilizados no Brasil. Os dados mostram que, nos últimos três meses, 81% das pessoas que tinham o aparelho haviam usado essa funcionalidade.

Para se ter uma ideia, no ano passado, o VAS apresentou uma receita de R$ 8 bilhões, totalizando 14,2% da receita de serviço das operadoras de celular no Brasil, com destaque para o serviço de mensagens (SMS/MMS), representando metade da receita de VAS das operadoras.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host