UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/04/2010 - 09h55

DDA: Febraban esclarece principais reclamações dos usuários do sistema

SÃO PAULO – Embora os bancos estejam comemorando os resultados dos primeiros meses do DDA (Depósito Direto Automático), alguns clientes têm reclamado de problemas no serviço, lançado em outubro do ano passado, para enviar boletos de cobrança eletronicamente aos correntistas cadastrados.

Muitos usuários cadastrados têm reclamado de continuar recebendo boletos em papel, pelos Correios. Segundo o diretor adjunto de serviços da Febraban, Walter Tadeu, isso continuará acontecendo enquanto o nível de adoção pelas empresas cobradoras permanecer baixo.

Outra queixa bastante comum é a de que os usuários foram cadastrados no DDA sem autorização prévia. Tadeu afirma que a Febraban já recebeu informações semelhantes. “Fomos verificar e vimos que em vários casos a pessoa havia se cadastrado, logo no lançamento do serviço, mas havia se esquecido”, disse Tadeu. “Nos casos ocorridos em empresas, muitas vezes, uma área havia se cadastrado, sem avisar o setor responsável. Então, o financeiro deixou de receber os boletos”, explicou.

Ir ao banco

Nesses casos, a recomendação é que o usuário que perceba qualquer comportamento indesejado se dirija ao banco para descobrir o que está acontecendo ou entre em contato com o serviço de atendimento.

“A orientação da Febraban é que só seja feito o cadastro mediante autorização do cliente”, afirma Tadeu. “A partir de quando o cliente se cadastra, o banco oferece ferramentas informando ao sacado eletrônico quando chegam boletos no sistema”, explicou. Esse aviso evitaria que fosse feita uma cobrança eletrônica e, por falta de conhecimento de tal boleto, a cobrança deixe de ser paga.

O diretor de serviços da Febraban recomenda que o cliente que não estiver sendo avisado a respeito da chegada de novos boletos fale com a ouvidoria de seu banco para receber orientação devida.

Vencidos

Tadeu esclarece ainda que o pagamento de boletos vencidos não pode ser feito eletronicamente. “O pagamento vencido continua como é hoje com os boletos de papel. Quando tenho um boleto físico vencido, obrigatoriamente tenho de me dirigir ao emissor do boleto para reemitir, com as atualizações necessárias, nova data, novo valor”, explicou. Segundo Tadeu, com o boleto eletrônico, o procedimento deve ser o mesmo.

“Quando entro no DDA e vejo que tem um título vencido, tenho de me dirigir ao banco emissor do título para regularizar a situação”, finalizou Tadeu.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host