UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

15/04/2010 - 19h23

Minha Casa, Minha Vida financiou 408 mil imóveis no primeiro ano do programa

SÃO PAULO – Em seu primeiro ano, o programa Minha Casa, Minha Vida financiou 408.674 imóveis, totalizando R$ 22,8 bilhões em investimentos. O balanço divulgado pela CEF (Caixa Econômica Federal) nesta terça-feira (15) aponta que é o maior volume de financiamentos habitacionais dos últimos 20 anos. No entanto, corresponde a 40,9% da meta de um milhão de imóveis prevista pelo governo.

Em 2009, o programa foi responsável por 45,7% do total de novos contratos na instituição. Já em 2010, no primeiro trimestre, foram 113 mil moradias.

O banco recebeu 813.719 propostas de 2.044 construtoras desde o lançamento do programa até a primeira quinzena de abril. Destas, 480.668 foram destinadas às famílias com renda de zero a três salários mínimos, das quais 203.997 foram contratadas. Outras 167.368 contratações foram para famílias de três a seis salários mínimos.

São Paulo

O estado de São Paulo recebeu 161.535 propostas, das quais 64.280 foram para as famílias da menor faixa de renda e 53.364 para famílias que recebem entre três e seis salários mínimos. Já para as famílias de renda entre seis e dez salários foram enviadas 43.891 propostas.

As contratações efetivadas chegaram a 83.061, somando R$ 5,35 bilhões. As famílias de menor renda financiaram 27.340 moradias, as de renda intermediária, 37.143, e as de renda superior, 18.878.

A Caixa também registrou forte alta  no uso de seu simulador de financiamentos. Em março, 18,8 bilhões de pessoas usaram a ferramenta, mais que o dobro do registrado no mesmo mês de 2009 (crescimento de 111%).

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host