UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

19/04/2010 - 17h22

Fundos Curto Prazo lideram entradas de capital nos primeiros dias de abril

SÃO PAULO – A categoria de fundos Curto Prazo liderou as entradas de capital da indústria brasileira de fundos nos primeiros dias de abril, de acordo com dados da Anbima (Associação Brasileira Das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

Segundo a associação, até o dia 13 de abril a categoria acumulava captação líquida de R$ 5,40 bilhões – o melhor desempenho da indústria.

Os fundos Multimercados, por sua vez, parecem estar se recuperando do mau desempenho visto no início do ano. Depois de um 2009 bastante positivo, a categoria vinha acumulando maus resultados em termos de fluxo nos primeiros meses do ano. Nos primeiros dias de abril, contudo, esses fundos registraram uma diferença positiva de R$ 4,60 bilhões entre aportes e saídas de capital, ficando com o segundo melhor resultado da indústria no período.

Da mesma forma, os fundos de Renda Fixa seguem em seu bom momento, com fluxo positivo de R$ 3,91 bilhões no período.

Ponta negativa

Por outro lado, os fundos da categoria FIDC, que destinam uma parcela mínima de 50% de seu capital líquido para a aplicação em direitos creditórios e são voltados para investidores qualificados, acumulavam até a data de referência a pior captação do mês, com saídas de R$ 449 milhões.

Outra categoria com desempenho negativo até 13 de abril é a de fundos de Ações que, refletindo o momento de volatilidade da bolsa brasileira, registravam saldo negativo entre aportes e retiradas no montante de R$ 180 milhões.

Vale mencionar que os dados de captação não são disponibilizados para a categoria Fundos Imobiliários. 

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host