UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

22/04/2010 - 09h40

Entrada da nova coleção no mercado fez preço de artigos de vestuário subir

SÃO PAULO - O final das promoções e a entrada da nova coleção no mercado fizeram com que o preço dos artigos de vestuário subissem 1,08% em abril, na comparação com março, segundo o IPCA-15 (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), divulgado nesta terça-feira (20) pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Todas as regiões registraram aumento nos preços, sendo que Fortaleza foi a que apresentou maior crescimento (2,03%) e o Rio de Janeiro o menor (0,23%), como mostra a tabela abaixo:

Inflação dos combustíveis

março/abril 2010
Capital Vestuário
Rio de Janeiro 0,23%
Porto Alegre 1,12%
Belo Horizonte 1,25%
Recife 0,65%
São Paulo 1,21%
Distrito Federal 1,10%
Belém 0,29%
Fortaleza 2,03%
Salvador 1,86%
Curitiba 1,03%
Goiânia 0,83%
Nacional 1,08%

Fonte: IBGE

Quando levado em conta o acumulado do ano, o Brasil registrou alta de 1,64% no preço de itens de vestuário. Além disso, todas as regiões tiveram alta, exceto Goiânia, onde os produtos apresentaram queda de 0,08%. Já Salvador foi a região que registrou o maior aumento (3,94%).

Considerando os últimos 12 meses, o País teve alta de 6,14%, sendo que, de todas as regiões, Fortaleza registrou o maior crescimento nos preços (11,77%). O menor aumento foi apresentado em Goiânia.

Roupa masculina e feminina

A roupa masculina registrou maior aumento nos preços do que as femininas. No quarto mês do ano, os itens do vestuário masculino registraram aumento de 1,39%, enquanto roupas femininas subiram 0,90%.

No acumulado do ano, o preço das vestimentas para homens sofreram aumento de 1,56%, sendo que o valor das roupas para mulheres cresceu 1,47%.

Levando em conta os últimos 12 meses, o preço das roupas masculinas também registrou maior aumento, de 7,11%, enquanto o das roupas femininas apresentou alta de 5,20%.

Calçados e acessórios

Os preços de calçados e acessórios cresceu 0,95% no quarto mês do ano, frente a março. Quando considerado o acumulado do ano, o aumento é de 1,62%.

Nos últimos 12 meses, os preços dos calçados e acessórios registraram um crescimento de 7,52%.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host