UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

29/04/2010 - 16h36

Imóveis usados com valor de até R$ 120 mil foram os mais vendidos no interior de SP

SÃO PAULO - Os imóveis usados com valor de até R$ 120 mil foram os mais vendidos nas cidades do interior de São Paulo, em 2009, representando 54,8% dos negócios fechados pelas imobiliárias consultadas pelo Creci-SP (Conselho Regional dos Corretores de Imóveis do Estado de São Paulo).

Dentro desta faixa de preço, predominaram os imóveis de R$ 81 mil a R$ 100 mil, com participação de 17,42%, seguidos das propriedades entre R$ 61mil a R$ 80 mil, que representaram 16,39% do total de negócios.

Imóveis de mais de R$ 200 mil, por sua vez, corresponderam a 16,30%. Já aqueles de R$ 141 mil a R$ 160 mil participaram com 9,44%.

Casas e apartamentos usados de R$ 121 mil a R$ 140 mil representaram 8,41% dos usados vendidos no interior no ano passado. Em seguida, vêm os imóveis no valor de R$ 161 mil a R$ 180 mil (6,6%) e os de R$ 181 mil a R$ 200 mil (4,44%).

"O balanço de 2009 mostra claramente a concentração de mercado em faixas de imóveis de padrão mais popular, reflexo de uma demanda reprimida e de uma capacidade financeira limitada dos compradores", afirmou o presidente do Creci-SP, José Augusto Viana Neto.

Forma de pagamento

A maior parte das vendas (47,85%) foi financiada pela CEF (Caixa Econômica Federal). Outros 44,86% foram vendas realizadas à vista.

Já o financiamento feito por outros bancos representou 4,21%, seguido pelas vendas feitas com pagamento parcelado diretamente pelo proprietário (2,33%) e os consórcios imobiliários (0,75%).

Casas e apartamentos

No ano passado, 66,3% dos imóveis usados no interior eram casas, e os 33,7% restantes, apartamentos. Dos imóveis negociados, 70% eram localizados em bairros centrais dos municípios.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host