UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

24/05/2010 - 15h57

Dia Nacional do Café: preço da bebida sobe mais do que a inflação em 2010

SÃO PAULO – Nesta segunda-feira, 24 de maio, é celebrado o Dia Nacional do Café, bebida que caiu no gosto do brasileiro há anos, mas que tem apresentado aumento de preços em ritmo mais acelerado do que a inflação.

Somente neste ano, enquanto o preço do café ficou 6,75% mais caro, considerando os valores de São Paulo e do Rio de Janeiro, a inflação geral de janeiro a maio atingiu 3,16%, segundo o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). 

No período de 12 meses terminados em maio, por sua vez, a bebida pesou 12,24% mais no bolso dos consumidores paulistanos e cariocas, enquanto que a inflação geral no período ficou em 5,26%, o que mostra o descolamento dos preços.

O Dia do Café

A data começou a ser comemorada em 2005, por sugestão da Abic (Associação Brasileira da Indústria do Café). E motivos não faltam, já que o Brasil é responsável por um terço do mercado internacional do café e por um volume equivalente ao dos outros seis maiores produtores.

Em 2009, o consumo per capita no Brasil foi de 4,65 Kg de café torrado, quase 78 litros por pessoa ao ano, uma evolução de 3% em relação ao período anterior. O consumo se aproxima ao de países como Alemanha e supera os índices de Itália e França.

Porém, ainda fica atrás dos países nórdicos (Finlândia, Noruega e Dinamarca), campeões em consumo, com 13 Kg por habitante ao ano.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host