UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

25/05/2010 - 10h26

Visto para os EUA ficará mais caro a partir de 4 de junho

SÃO PAULO – Quem pretende viajar para os Estados Unidos deverá desembolsar uma quantia maior para solicitar o visto ao país. De acordo com comunicado emitido na segunda-feira (24) pela embaixada norte-americana no Brasil, a partir do dia 4 de junho, os valores das taxas irão variar de US$ 140 até US$ 350, conforme a categoria do viajante.

Segundo informações da Agência Brasil, o preço cobrado atualmente, de US$ 131, irá vigorar até o dia 3 de junho. Em janeiro de 2008 ocorreu o último reajuste.

Novas Taxas

Serão três categorias distintas, cujos preços foram atribuídos de maneira específica para cada uma delas. Os passageiros que estiverem inseridos nas categorias de negócios, turismo, trânsito, tripulantes, estudantes acadêmicos e de intercâmbio, além de representantes de meios de comunicação, arcarão com US$ 140, o menor valor.

Para as categorias de trainees e trabalhos temporários, funcionários que se transferem em uma mesma empresa, cidadãos estrangeiros considerado com habilidades extaordinárias, profissionais do entretenimento e que atuam em programas internacionais de intercâmbio cultural, assim como religiosos será cobrado o valor de US$ 150.

Entretanto, que pretende se casar em terras estrangeiras e, portanto, está noivo ou noiva de um norte-americano, desembolsará a maior quantia para o visto, US$ 350. Conforme aviso da embaixada, o interessado em obter o visto deve saber em qual categoria se insere, uma vez que não haverá reembolso.

Serviço

Para consultar tipos de vistos e taxas adicionais, a embaixada sugere buscar informações nos seguintes endereços eletrônicos: http://www.embaixadaamericana.org.br/index.php?action=materia&id=8422&submenu=consular.php&itemmenu=86.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host