UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

27/05/2010 - 18h04

Bancos e tecnologia móvel estão cada vez mais unidos

SÃO PAULO - A tecnologia móvel será cada vez mais predominante no mercado e o bancos usarão o celular para ter acesso às oportunidades ainda não exploradas, afirmaram representantes do setor financeiro, no Mobile Money Summit, evento realizado no Rio de Janeiro pela associação GSM.

Para o diretor de operação bancária do Fidelity Bank Limited, Ignatius Cobbina, o sistema bancário móvel mostrou-se efetivo para a empresa.

"A operadora MTN tem cerca de 80 milhões de assinantes, enquanto nós temos 60 mil clientes, o que nos dá uma grande oportunidade de estender nossos serviços para mais pessoas", afirmou Cobbina.

Já o gerente executivo do Banco do Brasil/Abecs, Raul Moreira, afirmou que a instituição chegou a 1 milhão de usuários de serviços bancários móveis no ano passado. Para ele, o mobile bancking está na mesma situação em que a internet estava entre 1999 e 2000. "Isso nos mostra a importância da mobilidade daqui a dez anos", disse Moreira.

Serviços financeiros

A Telefônica tem previsão de poder gerar US$ 1,5 bilhão mundialmente, por meio de serviços financeiros móveis. De acordo com o diretor da instituição, Pablo Montesano, os serviços financeiros são consideradas uma das maiores oportunidades dentro da empresa.

O dinheiro móvel também é uma oportunidade para a criação de valor para os acionistas e até mesmo para a sociedade em geral. "Mesmo a inclusão de 1% de desbancarizados cria uma melhoria significativa, por reduzir a desigualdade", afirmou Montesano.

Já a Vivo, este ano, quer expandir ainda mais os serviços financeiros aos consumidores, de acordo com o vice-presidente de marketing e inovação da operadora, Hugo Janeba.

A operadora faz parcerias com bancos, empresas de cartão de crédito e companhias de seguros para atingir um número maior de usuários. "Acreditamos que podemos contribuir fortemente para fazer com que os serviços financeiros atinjam novos usuários móveis sem conta bancária", disse Janeba.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host