UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

31/05/2010 - 14h07

De R$ 30 a R$ 10 mil: camisas de clubes brasileiros aquecem as vendas na web

SÃO PAULO – Em ano de Copa, não é só o uniforme verde e amarelo que se torna sucesso de vendas na web. De acordo com um levantamento do portal MercadoLivre.com, em 2010, Flamengo, Vasco e Corinthians são os clubes brasileiros que mais vendem camisas na rede de compra.

Conforme a pesquisa, o rubro-negro carioca sustenta o topo da lista, com 711 camisetas vendidas. O Vasco aparece em seguida, com 513 negociações, e o Corinthians vem em terceiro, com 467. Os demais times que figuram na seleção dos dez primeiros são: Palmeiras (414), São Paulo (241), Atlético Mineiro (227), Cruzeiro (175), Botafogo (171), Santos (150) e Grêmio (139).

Variações

Segundo a empresa, os preços mais comuns das camisetas variam entre R$ 30 e R$ 40. Mas, em alguns casos, a história por trás do produto dita o seu preço. É o caso da camiseta do Corinthians, original de 1977, autografada por todos os jogadores que conquistaram o título do campeonato paulista daquele ano. O modelo pode ser encontrado por R$ 10 mil.

Pelo valor de R$ 6 mil, o torcedor flamenguista poderá adquirir uma camiseta utilizada e autografada pelo craque Zico, em 1970. Já em relação ao Vasco, o maior preço refere-se a uma camiseta utilizada na década de 1990 pelo atacante Romário.

Internacional

Levando-se em consideração o mercado estrangeiro, o Real Madri é absoluto, sendo sua camisa mais negociada do que a de muitos clubes nacionais, como Cruzeiro, Botafogo, Santos e Fluminense.

Ao todo, 191 camisas do clube espanhol já foram vendidas. O time inglês Manchester United, segundo colocado, vendeu quase 100 modelos a menos: 96.

Em relação ao maior preço encontrado para um uniforme da equipe madrilenha, uma camiseta autografada e utilizada pelo atacante Robinho, hoje no Santos, sai por R$ 999.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host