UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/07/2010 - 09h27

Imóveis: demanda reprimida faz construtoras mirarem lançamentos na classe C

SÃO PAULO – A combinação de grande demanda reprimida com alta velocidade de vendas já faz com que muitas construtoras mirem seus lançamentos imobiliários na classe C.

De acordo com o sócio-diretor da Toledo & Associados, Renato Barbosa, atualmente, as três maiores construtoras do País já concentram metade dos seus lançamentos neste público.

Perfil

Ainda segundo dados apurados pela Toledo & Associados, o programa de habitação do governo federal Minha Casa, Minha Vida é um dos fatores que fez com que aumentasse a procura da classe C por imóveis.

Em São Paulo, as propriedades de até R$ 130 mil são as mais procuradas, sendo que, para 80% dos compradores, esta é a chance de realizar o sonho da casa própria, ou seja, é a compra do primeiro imóvel.

Além disso, na hora de adquirir a casa própria, tais consumidores – caracterizados por serem chefes de família (15%) e por possuírem automóvel popular (60%) - dão muita importância à forma de pagamento e ao valor do condomínio.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host