UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

06/07/2010 - 13h50

BTG recomenda aumento de exposição em Vale e diminuição em Petrobras

SÃO PAULO – Com as tensões nos mercados europeu e norte-americano aumentando no último mês, aliado ao medo de desaceleração da economia chinesa, as ações de empresas brasileiras estão baratas, na visão dos analistas do BTG Pactual.

Pensando nisso, a equipe de research do banco aumentou sua exposição a empresas doméstica, com destaque para a Vale (VALE5). “Nós decidimos aumentar nossa exposição à Vale, depois da fraca performance recente das ações, além de acreditarmos em bons resultados no segundo trimestre”, falam os analistas Carlos Siqueira e Antônio Junqueira.

Porém, os analistas do BTG mostraram no relatório pessimistas com o desempenho futuro dos papéis da Petrobras (PETR4). Eles colocam a recomendação da empresa em “underweight” (abaixo do mercado) para o terceiro trimestre devido às incertezas da capitalização e do valor dos barris de petróleo.

Potenciais altas Além da mineradora, outra expectativa positiva está no setor bancário, ao aumentar de 19,5% para 25% sua exposição ao segmento no portifólio deste terceiro trimestre. Na comparação setorial, o Itaú Unibanco (ITUB4) está na posição de top pick.

“Em nossa visão, os grandes bancos comerciais do Brasil devem se beneficiar do aumento das taxas de juros, assim como do avanço da demanda interna e da expansão do crédito e também da queda da inadimplência, com os níveis de desemprego em níveis baixos”, falam.

O setor imobiliário, por outro lado, teve a sua fatia de portfólio mantida em 6% nas alocações sugeridas para o próximo trimestre. Siqueira e Junqueira afirmam que isso se dá porque esse setor está atrasando o mercado, mas apresenta atrativos potenciais de valorização, já que é uma área que se beneficia também de crescimento da demanda interna.

“Nossa top pick é a PFG Realty (PDGR3). Nós também somos favoráveis à JBS (JBSS3) e Marfrig (MRFG3). Além do mais, estamos aumentando nossa exposição a nomes relacionados ao cenário doméstico brasileiro, ao adicionar a GOL (GOLL4) e a operadora NET (NETC4).

 

 
Hospedagem: UOL Host