UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/08/2010 - 20h43

Patrimônio global de fundos mútuos soma US$ 23 trilhões no primeiro trimestre do ano

SÃO PAULO - O ICI (Investment Company Institute) divulgou na quarta-feira (4) o balanço da indústria global de fundos de investimento referente ao primeiro trimestre de 2010. Segundo o relatório, os fundos mútuos dos 43 países presentes em seu universo de cobertura viram seu patrimônio líquido avançar 0,3% em relação ao último quarto de 2009, indo de US$ 22,95 trilhões para US$ 23,02 trilhões.

Segmentando esse número por regiões, o levantamento mostra que US$ 12,74 trilhões desse volume encontram-se nos fundos mútuos do continente americano - US$ 11,205 trilhões apenas nos Estados Unidos. Já a Europa se destaca por ter sido a única região e relatar queda no PL na passagem trimestral, com o patrimônio líquido de seus fundos recuando de US$ 7,546 trilhões para US$ 7,402 trilhões.

Contudo, o ICI ressalta que esse movimento foi ocasionado pela variação da moeda norte-americana no período em relação ao euro. Dessa forma, contabilizando esses números em euro, o instituto mostra que o patrimônio dos fundos mútuos europeus avançou de € 5,24 trilhões para € 5,45 trilhões.

Na mesma base monetária, os fundos norte-americanos foram de € 8,74 trilhões para € 9,39 trilhões. O PL consolidado dos 43 países monitorados pelo ICI foi de € 15,933 trilhões para 16,962 trilhões.

Resgates

Contrariando a leve expansão do patrimônio na passagem do 4T09 para o 1T10, o relatório mostra que a captação líquida acumulada por todas as classes de fundos mútuos - ações, bonds, curto prazo e multimercados - ficou negativa em US$ 104 bilhões nos três primeiros meses do ano. No trimestre anterior, o resultado foi superavitário em US$ 77 bilhões.

Vale mencionar que, dessas quatro categorias, apenas os fundos da categoria "money markets", que investem em ativos de dívida de curto prazo e maior liquidez, tiveram um volume de saques maior do que o de aplicações entre janeiro e março de 2010, tendo acumulado um déficit de US$ 406 milhões. O resultado ofuscou as captações dos fundos de títulos de dívida (US$ 169 bilhões), ações (US$ 74 bilhões) e multimercados (US$ 52 bilhões).

Os fundos classificados pelo ICI na categoria "Outros" - ou seja, que não se enquadram nas quatro principais categorias - tiveram captação positiva de US$ 8 bilhões.

Market share

O ICI ainda mostra que, ao final do trimestre, os fundos mútuos de ações detinham a maior participação na indústria global, com 40% do patrimônio total. Bem atrás, aparecem empatados os fundos de bonds e money markets, com 21% de market share cada.

Os fundos multimercados, por sua vez, chegaram ao final de março com 10% de market share. Os 8% restantes estão dissipados entre outras categorias, não consolidadas pelo instituto.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host