UOL Notícias Economia

BOLSAS

CÂMBIO

 

05/08/2010 - 11h04

Volume de cheques devolvidos cai 0,87% em julho

SÃO PAULO – Em julho, a quantidade de cheques devolvidos por falta de fundos caiu 0,87% em relação a junho, atingindo 1,603 milhão de folhas.

De acordo com levantamento da Equifax divulgado nesta quinta-feira (5), na comparação com o mesmo mês de 2009, o volume de cheques devolvidos também diminuiu (-30,74%).

Para a entidade, a melhoria da renda e a tendência em alta da utilização dos meios eletrônicos como forma de pagamento contribuíram para a redução no volume de cheques devolvidos.

"Embora ainda não existam dados consolidados referentes ao ano de 2010, a tendência é de que os meios eletrônicos de pagamento sejam cada vez mais utilizados, o que deverá contribuir para baixar os índices de devolução de cheques nos próximos anos", afirmou o consultor do Centro de Conhecimento da Equifax, Alcides Leite.

Títulos protestados

O levantamento mostra ainda que, no mês passado, foram protestados 754.604 títulos, um aumento de 19,70% frente a junho. Na comparação com o sétimo mês de 2009, quando houve o protesto de 842.596 títulos, houve queda de 10,44%.

Segundo a Equifax, o aumento verificado em julho já pode ser resultado dos efeitos da elevação da taxa de juros praticadas pelo mercado, mas somente os resultados dos próximos meses poderão confirmar essa tendência.

Sobre a pesquisa

A análise de inadimplência da Equifax é baseada em informações públicas fornecidas pelo Banco Central, por meio de cartórios, juntas comerciais, fóruns e a partir das transações comerciais realizadas por 28 mil clientes em todo o País.

O banco de dados registra 338,8 milhões de informações positivas, 121 milhões sobre cheques sem fundos, 31,5 milhões de títulos protestados, 137,7 mil informações sobre falências, concordatas e recuperações judiciais e 8,7 mil registros de empresas golpistas.

Compartilhe:

    Hospedagem: UOL Host